De Repente

Tacapando pimenta nos olhos de quem merece. Fazendo arder na pele de quem precisa.

Page 2 of 20

Balada da última despedida

O vento ressoa pela janela aberta, São onze horas da noite, Os sopros entram e invadem o apartamento, As cortinas dançam com as luzes da cidade, Que marcam o ritmo na parede. No andar de baixo pessoas apaixonadas, Ouvem aquela música repetidamente sempre… Continue Reading →

Os melhores ensaios da Playboy de todos os tempos!

Em dezembro de 2015 a lendária Revista Playboy deixou de ser produzida no formato impresso no Brasil, sendo a edição do mês a última. Sabemos bem que a internet tem causado uma grande revolução no mercado de erotismo e pornô,… Continue Reading →

Curta: Quando a Chuva Chegar (2009)

Felizmente estamos no melhor período do ano em Belém, que é a temporada de chuvas ou o famoso inverno amazônico. A chuva é uma velha amiga de todos nós que vivemos e amamos esta cidade pois sabemos que muitas coisas… Continue Reading →

Graphic Novel Bórgia: Um Papa muito lascivo

Texto de Amilcar Cabral, com revisão de Acauã Pyatã. Bórgia é uma historia contada por Alejandro Jodorowsky e ilustrada por Milo Manara que conta a ascensão de poder de Rodrigo Bórgia. (aquele mesmo do assassin’s creed….) e de sua família…. Continue Reading →

Oito vezes amor, ou amor em oito atos.

Essa noite a pauta é muito incomum da mina Nayana Aquere: falar sobre sofrer por amor. Quem nunca não é mesmo? Quem nunca ficou olhando para o telefone esperando uma notificação de mensagem ou pulou da cadeira quando aquela pessoa… Continue Reading →

Você não está louca, querida.

É isso ai, depois de vários dias fora do ar estamos de volta, pois a moral e bons costumes, a tradicional família brasileira e aqueles que veem na opressão de ideas, pensamentos e sentimentos o caminho para moldar o mundo… Continue Reading →

Velho Verso Colorido

Ele tinha os dentes amarelos, A vista já cansada e os dedos calejados, Uma xícara de café preto a cada uma hora, Dores no peito e e uma máquina de escrever. Faltava sono, Faltavam as pessoas, Faltava ânimo, Faltava amor,… Continue Reading →

O Moinho de Vento

Era apenas um velho moinho girando, Solitário ao sabor do vento, Resistiu a chuvas, a trovões, tempestades, Tremeu durante o grande terremoto, Ali sozinho quando ninguém viu. Terremoto, meteoro, águas que castigam, Ventos gélidos, saudade, escuro e solidão. Apenas a… Continue Reading →

A segunda efervescência

Já são litros de café preto desde então Linhas e linhas rabiscadas em papeis amassados Vários retalhos de devaneios espalhados pelo chão de areia Formando um mosaico confuso, sem sentido e efervescente. Tudo bem mais que isso, mas nunca sempre… Continue Reading →

Skylab entrevista: Bruna Surfistinha

Um dos meus programas favoritos na TV Brasileira é o estranho “Matador de Passarinho”, comandado por Rogério SkyLab que executa entrevistas totalmente psicodélicas, tanto quanto ele. Nesse bate papo ele conversa com Bruna Surfistinha, que conta algumas das fantasias sexuais… Continue Reading →

« Older posts Newer posts »

© 2017 De Repente — Powered by WordPress

Theme by Anders NorenUp ↑